A arte do casamento, segundo Paul Newman

Nos nossos dias o casamento é considerado uma instituição falida e, segundo a Nova Lei do Divórcio, facilmente dissolvido. O número de divórcios tem disparado e fico imaginando que daqui a alguns anos o casamento vai ser peça de museu… Eu sempre sonhei com um casamento que durasse muitos anos, na verdade pra sempre e sou feliz por ter me casado com um homem que deseja envelhecer ao meu lado. Foi assim com Paul Newman e Joanne Woodward, que se casaram em 1958 e só se separaram em 2008, quando Paul faleceu, aos 83 anos, vítima de câncer no pulmão, causado pelo cigarro. O seguinte texto, dizem, é de autoria de Paul Newman, escrito para Joanne:

A felicidade no casamento não é algo que simplesmente acontece, um bom casamento deve ser criado. Na arte do casamento, as coisas grandes são as coisas pequenas. É lembrar de dizer um “eu te amo” uma vez ao dia pelo menos. É ter um sentimento mútuo de valores comuns. É enfrentar o mundo lado a lado. O casamento deve estar formado no amor que reúne toda a família. É fazer as coisas para o outro, não na atitude do dever ou sacrifício, mas no espírito de alegria. É demonstrar apreço e falar palavras de gratidão. É não procurar ser mais perfeito que o outro, mas cultivar a flexibilidade, paciência e compreensão e não esquecer do bom humor. É ter a capacidade de perdoar e esquecer. É oferecer um ao outro ambientes em que cada um pode crescer. É uma procura comum do bem e da beleza. É estabelecer um relacionamento em que a independência é igual, a dependência é  mútua e recíproca. É não só casar com o parceiro certo, mas também ser o parceiro certo.

Acho que quando Deus criou o homem e a mulher, o propósito que Ele teve para o casamento era parecido com isso, mas muito além…

Encontrei esse vídeo lindo que é uma homenagem a Paul e Joanne, ao som de Elvis Presley:

Can’t Help Falling In Love

Minhas facas coloridas

É que ganhei de presente esse conjunto de facas coloridas e hoje resolvi mostrar pra todo mundo. São quatro facas, uma pra cada tipo de corte. A minha preferida até agora é a verdinha, pra legumes e frutas, e as outras ainda não usei. São perfeitas! A barra magnética acompanha as facas. Quem me deu o presente foi o Vandehugo. Pesquisei, e o primeiro lugar que encontrei pra vender foi nessa loja. As minhas são importadas. Olha só o detalhe dos meus três pinguins, da minha galinha de bolinhas e do quadro-verde…

Guirlanda de rosas de tecido

As luzes de natal se transformaram numa delicada e graciosa guirlanda de rosas de tecido. Eu simplesmente amei, por causa das cores suaves e do jeito que foi enrolada a tira de tecido no fio. Dica da Vila do Artesão, que ensina também a fazer as rosas de tecido.

Ainda há beleza…

“O mundo, embora caído, não é todo tristeza e miséria. Na própria natureza há mensagens de esperança e conforto. Há flores sobre os cardos, e os espinhos acham-se cobertos de rosas.” White

Vi no Gosto por Bom Gosto.

Pufe de pneu

Para fazer um lindo pufe como esse, é preciso apenas um pneu e 4 metros de lycra tensionada. Mas você não vai conseguir fazer sozinho, porque enquanto uma pessoa enrola a lycra no pneu, a outra precisa segurá-lo. Nesse vídeo, as arquitetas Thalita Fonseca e Adriana Teixeira ensinam a fazer a fazer o pufe no programa Mais Você. 

Via: Decor e Design 

Canecas personalizadas

Pode ser um presente super original e exclusivo, não acha? Estas canecas foram personalizadas com a letra inicial do nome do dono riscada com marcador para porcelana tipo Crative Maker, da Compactor, que é vendido nas lojas de artesanato. Encontrei o passo a passo desse projeto no Design Mom, mas nós podemos aprender de um jeito fácil a fazer pintura em porcelana branca no Superziper. A fonte usada nas canecas é a Sketch Block.