Brinquedos de caixa de papelão

Quem diria que caixas de papelão poderiam se transformar em brinquedos capazes de deixar as crianças distraídas por horas a fio? Experimente fazer alguns desses para seus pequenos. Essa cozinha está simplesmente incrível. Todas as instruções aqui.


Vaso de planta – pudim de chocolate

Essa delícia curiosa eu trouxe do Gordelícias. É feito no microondas. 

Ingredientes

1 lata(s) de leite condensado
400 ml de leite
3 unidade(s) de ovo
4 colher(es) (sopa) de chocolate em pó
7 colher(es) (sopa) de açúcar
3 colher(es) (sopa) de água

Preparo

Bata no liquidificador o leite condensado, o chocolate, o leite e os ovos.
Despeje lentamente, na forminha (copinho) o pudim . Leve ao microondas (na potência alta) por 10 minutos. Deixe esfriar e leve à geladeira por 4 horas.
Antes de servir, amasse bolacha recheada de chocolate, é isso que vai dar o aspecto da terrinha em cima do pudim e coloque um ramo de hortelã. Pronto! Seu pudim está pronto para servir! Bom divertimento!

Murais de escola

Os murais podem servir para colocar anúncios, expor trabalhos dos alunos ou para comemorar uma data ou evento. Aproveite essas ideias inspiradoras para os murais do corredor de entrada ou para a sala de aula de sua escola. Vi no The First Grade Parede.

TNT preto para o fundo, cartolina de várias cores para o foguete e amarela para as estrelas, papel de seda para a fumaça em 3D, cordão colorido para marcar a trajetória do foguete e adesivo de planetas para a molduraPapel de seda marrom e verde para a árvore, craft (cenário) para a ilha e para o baú e o mesmo papel para o fundo do mural, só que amassado e desamassado. Celofane amassado azul para a água.TNT preto para o fundo, papel de seda azul para as bordas, cartolina e papel 40 Kg para as figuras, celofane para a água, algodão para as nuvens e papel de seda amassado para a estradinha do fusca. Esse é perfeito pra expor os trabalhos dos alunos e pode tomar conta de uma parede inteira. Papel de seda marrom e verde para as árvores, cartolina verde para a grama, cordão e pregadores de roupa para o mural.

Ponto cruz bordado na parede

Um gráfico de ponto cruz e pincéis e tinta em vez de agulhas e linhas. Ideia bastante inovadora, chic e de bom gosto, você não acha? Conheça mais do trabalho da holandesa Eline Pellinkhof (quem dera que eu tivesse um exemplar do livro dela!).

Agora assista o vídeo  da Eline “bordando” essa rosa linda.

34 incríveis tutoriais para photoshop

Alguns de nível moderado, outros de nível avançado. Todos surpreendentes.

Link: 34 Photoshop Tutorials

Uma tira torcida com suas fotos

Rótulo para embalagens

Bola de vidro

"Cor-de-rosando" uma garota

Renovando o abajur

Abajur é uma peça que pode ser customizada sempre que a gente enjoa. Em vez de comprar uma cúpula nova, a gente pode mudar a que já tem, como eu fiz com meu abajur branquinho. Existem ótimas ideias como essas:

1. Com rosas e com margaridas 2. Tecido de rosas 3. De crochê colorido 4. Com aplique de flores de tecido e folhas bordadas 5. Com granny square 6. De crochê branquinho 7. Rosa com bolinhas e pompons 8. Com sianinhas 9. Com retalhos 10. De crochê multicolorido 11. Com mapa 12. Com adesivo de cidade

As cocadas – Cora Coralina

Eu devia ter nesse tempo dez anos. Era menina prestimosa e trabalhadeira à moda do tempo.

Tinha ajudado a fazer aquela cocada. Tinha areado o tacho de cobre e ralado o coco. Acompanhei rente à fornalha todo o serviço, desde a escumação da calda até a apuração do ponto. Vi quando foi batida e estendida na tábua, vi quando foi cortada em losangos. Saiu uma cocada morena, de ponto brando atravessada de paus de canela cheirosa. O coco era gordo, carnudo e leitoso, o doce ficou excelente. Minha prima me deu duas cocadas e guardou tudo mais numa terrina grande, funda e de tampa pesada. Botou no alto da prateleira. Duas cocadas só… Eu esperava quatro e comeria de uma assentada oito, dez, mesmo.

Dias seguidos namorei aquela terrina, inacessível. De noite, sonhava com as cocadas. De dia as cocadas dançavam pequenas piruetas na minha frente. Sempre eu estava por ali perto, ajudando nas quitandas, esperando, aguando e de olho na terrina. Batia os ovos, segurava gamela, untava as formas, arrumava nas assadeiras, entregava na boca do forno e socava cascas no pesado almofariz de bronze. Estávamos nessa lida e minha prima precisou de uma vasilha para bater um pão-de-ló. Tudo ocupado. Entrou na copa e desceu a terrina, botou em cima da mesa, deslembrada do seu conteúdo. Levantou a tampa e só fez: Hiiii… Apanhou um papel pardo sujo, estendeu no chão, no canto da varanda e despejou de uma vez a terrina. As cocadas moreninhas, de ponto brando, atravessadas aqui e ali de paus de canela e feitas de coco leitoso e carnudo guardadas ainda mornas e esquecidas, tinham se recoberto de uma penugem cinzenta, macia e aveludada de bolor.

Aí minha prima chamou o cachorro: Trovador… Trovador… e veio o Trovador, um perdigueiro de meu tio, lerdo, preguiçoso, nutrido, abanando a cauda. Farejou os doces sem interesse e passou a lamber, assim de lado, com o maior pouco caso. Eu olhando com uma vontade louca de avançar nas cocadas. Até hoje, quando me lembro disso, sinto dentro de mim uma revolta – má e dolorida – de não ter enfrentado decidida, resoluta, malcriada e cínica, aqueles adultos negligentes e partilhado das cocadas bolorentas com o cachorro.

Cora Coralina

Eu sempre me emociono quando leio esses conto. Fico revoltada, triste e penso que o melhor, sempre, deve ser pra família…

Menino e menina no mesmo quarto

Isso pode dar confusão… mas é possível dividir o mesmo ambiente com pintura, móveis e acessórios diferenciados pra ela e ele ficarem satisfeitos… Especial para a leitora Tatiana que tem um menino e uma menina que dormem no mesmo quarto.

Do Mil Ideias Decoración, que ensina como pintar o quarto e deixar os dois felizes.

Do site Design File

Little Lovables

Da revista Minha Casa, edição de setembro 2010

Tortilhas

Receita muito fácil de tortilhas pra colocar o recheio que desejar. Para a massa eu só vou precisar de:

1 kg de farinha + 1 xícara para povilhar a superfície que vai  amassar
1 1 /2 xícara de óleo vegetal
1 colher de sopa de fermento em pó
2 colheres de sopa de sal
1 1 /2 xícara de água morna

Então,é só seguir o passo a passo abaixo, deixando as bolinhas descansarem por 30 minutos, fazer discos finos de mais ou menos 15 centímetros e assar em frigideira, como fazemos com as panquecas.